Sabe uma coisa que me agrada no Senhor? Com o Senhor eu posso ser sincera. Então serei. Está difícil. Deus, olha, me perdoa, mas está difícil.

Deus, onde está aquela minha vontade de prosseguir? Pai, onde está aquela fé que mesmo sendo menor que um grão de mostarda me fazia sentir perto do Senhor? E aqueles braços que um dia me envolveram em puro amor e me fizeram sentir como a verdadeira “menina dos seus olhos”? Sua voz. Onde está sua voz que não ouço? O Senhor está realmente calado?

Pai, a verdade é que hoje eu vejo que o Senhor é grande. Como nada mais, o Senhor é o Criador de tudo o que existe, tudo subsiste no Senhor. Eu tremo diante do Teu nome porque um dia eu conheci o Senhor. Um dia eu vivi verdadeiramente sob quem o Senhor é. Não permita Senhor, por favor, que eu desfaleça agora.

Sabe uma coisa que eu andei percebendo, Deus? Como está difícil para aqueles que um dia te conheceram. Acho que não é só impressão minha. “Esse mar” não acalma. O mar dentro de mim muito menos. Eu quero é poder pegar nos Teus braços. Eles estão esticados para mim (eu quero crer nisso).

Hoje eu vejo também como sou grandiosamente, nada. Me surpreendo com minha ruindade e como meus pensamentos são falhos, pecaminosos e asquerosos. Sério. Só pela graça mesmo, porque olha… A cada dia eu vejo como sou indigna.

Eu vejo outra coisa. Eu vejo o que Paulo disse se afirmando. Mesmo nos nossos erros, nas nossas falhas, o Senhor se mostra. E confesso que por isso eu deveria agradecer. É que, Deus, eu quero agradecer porque eu sei que o Senhor é bom e que sua vontade é de verdade boa, perfeita e agradável e que as coisas só acontecem porque o Senhor permite. É que eu estou meio cega, entende?

Acho que eu deveria parar de reclamar um pouco, de me fazer de coitada e começar a ser forte e corajosa como o Senhor deseja…. Porque eu te conheço. Eu sei que pelo Senhor vale a pena. Eu fico querendo ver o Seu agir, mas e o meu agir? Nada dele?

Então, Deus, para tentar começar a mudar esse meu estado, eu quero te agradecer porque em meio a qualquer situação, mesmo que essa situação esteja difícil, o seu Santo Espírito não permite que eu me sinta sozinha. Eu quero agradecer, Senhor, porque o Senhor me ouve. Ouve os inúmeros absurdos que falo, desejo, peço e penso, com toda a paciência, e ainda assim me olha com carinho, com amor.

Quero agradecer também porque eu sei que minhas orações chegam até o Senhor e porque tudo o que acontece comigo e ao meu redor foi porque um dia eu toquei seu coração ao te pedir algo, e o seu desejo de me tornar como seu Filho está sendo aplicado.

Eu espero, Deus, pelo dia prometido, onde o Senhor enxugará todas as minhas lágrimas. Todas essas lágrimas que escorreram pelo meu rosto foram permitidas pelo Senhor, que muitas vezes sofreu comigo, por puro amor. Os desejos secretos do Senhor são mais amáveis que qualquer verdade revelada pelo mundo.

Com o passar do tempo eu vou vendo como sei pouco sobre quem o Senhor é. Mas Deus, o Senhor é tão desejável que esse mistério me faz querer viver para te descobrir, te desvendar, e tentar entender como um ser pode ser tão perfeito. É muito para minha cabeça humana. (Talvez seja isso que me faça desanimar as vezes…)

Eu só queria pedir, Deus, para que o Senhor continue comigo. Eu sei que vai, mas preciso sentir o Senhor. Deus, eu preciso de uma recarga de fé e esperança, que juntas, (re)formarão a minha confiança. Me ajuda a deseja-lo verdadeiramente? Me ajuda a ser como uma Filha? Pai, me ajuda a conhecer do Senhor pela sua palavra que não se cansa de mostrar como minhas verdades absolutas são extremamente mentirosas? Eu quero, Deus, ser preenchida pelo Senhor de uma forma que eu não seja eu. Eu sei que serei. Eu sei que errarei. Mas eu te peço, Deus, não permita que eu esqueça quem o Senhor é nem por mais um minuto.

Me sentir longe do Senhor é a pior sensação que eu poderia sentir. Eu quero te amar.

Se eu dissesse que as tribulações (ruins) que eu passo são 100% ruins, eu estaria sendo totalmente equivocada (totalmente eu). É que, quando eu digo que o Senhor não me abandonou, é porque eu vi o Senhor presente de várias formas. O Senhor se mostrou através de alguns amigos, algumas conversas e músicas. O Senhor me respondeu pela Palavra. O senhor fez a dor de pessoas a minha volta serem o motivo das mesmas se curvarem ao Senhor.

O erro está em mim, Deus. Sempre esteve, está e sempre estará. A verdade é que o Senhor permite tudo, e pelo Senhor ser justo, eu passo por certas coisas. Mas como o Senhor já sabia de tudo que poderia me desestabilizar, o Senhor se fez comigo em outros momentos (não que agora não seja), e essas lembranças me trazem força. O fato de um dia eu ter Te conhecido me faz crer que o Senhor é real (minha mente não tem a capacidade de inventar alguém tão fera) assim como suas promessas.

Senhor, me perdoa por eu não me lembrar do Senhor verdadeiro e sim focar só em um Deus que eu criei. Se for para eu vir a te conhecer verdadeiramente, assim como Jó, após momentos terríveis, aos meus olhos, que assim seja. Eu sei que é “perigoso e forte” eu dizer isso, mas eu quero crer no Deus das promessas da Bíblia, e isso acontece na prática. O Senhor mostrou seu amor por mim na prática.

 

Yasmin Muniz